"Mensagem da Rainha da Paz"

MENSAGEM DA RAINHA DA PAZ EM MEDJUGORJE DE 02.06.2017 "Queridos filhos, como em outros locais venho até vocês, também aqui estou lhes chamando para a oração. Orem por aqueles que não conhecem o Meu Filho, por aqueles que não conheceram o amor de Deus, contra o pecado, pelos consagrados - para aqueles que meu Filho chamou para ter Amor e espírito de força para com vocês, para com a Igreja. Orem ao Meu Filho, e o amor que você experimentar com a Sua proximidade lhes dará a forças para prepará-los para as obras de amor que farão em Seu nome. Meus filhos, estejam prontos. Esta vez é um ponto de viragem. É por isso que estou lhes chamando de novo para a Fé e a Esperança. Estou lhes mostrando o caminho pelo qual precisam ir, e esse são as palavras do Evangelho. Apóstolos do Meu Amor, o mundo tem tanta necessidade de seus braços levantados para o céu, em direção ao meu Filho, para o Pai Celestial. São necessárias muita humildade e pureza de coração. Tenham confiança no Meu Filho e saibam que vocês sempre podem ser melhores. Meu coração maternal deseja para vocês, apóstolos do meu amor, sejam pequenas luzes do mundo, iluminando aí onde a escuridão quer começar a reinar, mostrando o verdadeiro caminho com sua oração e amor, para salvar as almas. Eu estou com vocês. Obrigado por terem acolhido ao Meu Chamado."
MENSAGEM DA RAINHA DA PAZ EM MEDJUGORJE DE 25.03.2017 “Queridos filhos! Neste tempo de graça convido todos vocês a abrirem seus corações à misericórdia de Deus, para que, através da oração, da penitência e da decisão pela santidade, comecem uma vida nova. Este tempo primaveril os estimula, em seus pensamentos e corações, a uma vida nova, a uma renovação. Por isso, filhinhos, Eu estou com vocês para ajudá-los a dizerem, com determinação, "sim" a Deus e aos mandamentos de Deus. Vocês não estão sozinhos, Eu estou com vocês por meio da graça que o Altíssimo me concede para vocês e para seus descendentes. Obrigada por terem respondido ao meu chamado.”

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Nossa Senhora mostrou a Jelena Vasilij uma cena da Natividade

Uma surpreendente visão que a vidente Jelena Vasilij teve do nascimento do nosso Salvador e Rei Jesus, no Natal de 1982.

Jelena Vasilj começou a experimentar Nossa Senhora em seu coração em dezembro de 1982. Nossa Senhora pediu-lhe que formasse um grupo de oração com cerca de 20 jovens, e que fizessem um compromisso por 4 anos. Eles seriam solicitados a seguir rígidas regras e sacrifícios e teriam que rezar 3h30 por dia, e suas orações, sacrifícios e jejuns seriam oferecidos ao Bispo e àqueles responsáveis pela Igreja.

Como parte de suas 3 horas de oração, Jelena começou a ir na Santa Missa, à noite, na paróquia de São Tiago, diariamente; e, quando um filme sobre o Natal que desejava ver estava passando na cidade próxima, em Citluk, um dilema se passou: lembrando-se ela de sua promessa a Nossa Senhora de ir à Santa Missa, seu pai disse-lhe para não ir ao cinema. A menina de 12 anos ficou desencantada mas, quando Nossa Senhora lhe apareceu, naquela noite, Ela disse que, no dia do Natal, ela poderia ver uma cena do nascimento de Menino Jesus. Jelena não podia conter a sua alegria de ter que esperar que os próximos três dias se passassem rapidamente.

  • 1ª Visão:
Sua visão se iniciou com um anjo, na qual a escuridão da cena foi gradualmente iluminada por um céu estrelado. À distância estava São José, com um bastão na mão, conduzindo um jumento sobre o qual Nossa Senhora estava sentada. À medida que se aproximavam de algumas casas, Nossa Senhora disse a São José: "Estou cansada. Gostaria que alguém nos abrigasse durante à noite." José disse que iria pedir e bateu na primeira porta. A porta foi aberta, mas imediatamente bateu, quando viram o casal cansado. Casa após casa, as portas foram fechadas e o casal rejeitado. Nossa Senhora, cheia de esperança, disse a São José: 

"Esteja em paz, José. O dia da grande alegria chegou. Agora, devo orar com você para as multidões que não permitem que Jesus nasça."

Nossa Senhora rezou e, então, disse a São José para olhar o estábulo abandonado nas proximidades. Seu único habitante era um burro. São José levou seu jumento para o estábulo e juntou um pouco de madeira para acender um fogo, mas, devido à umidade, este se extinguiu.

  • 2ª Visão:
A segunda cena começou com o estábulo mal iluminado que imediatamente se irradiou com o nascimento do recém-nascido. O céu era uma manta de estrelas cintilantes e dois anjos pairavam sobre a morada do Rei da Paz, carregando algo que parecia uma bandeira com as palavras: "Nós Te glorificamos, ó Senhor!" escritas nela. Perto havia alguns pastores cuidando de suas ovelhas e cordeiros. O céu acima estava cheio de uma corte celestial de Anjos cantando e glorificando a Deus Todo-Poderoso, e um deles disse aos pastores: "Pastores, ouçam a boa-nova: hoje, Deus nasceu no meio de vocês! Vocês o encontrarão, deitado na manjedoura daquele estábulo. Saibam que o que lhes digo é verdade". Os pastores ficaram surpresos, mas, em seguida, foram ao estábulo descobrindo presentes simples - alguns cordeiros se ajoelharam diante do bebê envolto em panos. Nossa Senhora agradeceu-lhes por sua bondade e disse: 

"Eu lhes agradeço por tudo, no entanto, agora desejo orar com vocês, porque muitos não quiseram receber Jesus que estava prestes a nascer".

  • 3ª Visão:
A terceira cena se inicia quando os Magos em Jerusalém perguntam em vão sobre a localização de Jesus. Um homem pede-lhes então que retornem para lhe contar onde poderia encontrar o novo Rei. Eles, então, veem a estrela que os está guiando e a seguem. Presenteiam com ricos presentes e se ajoelham e adoram o Menino Jesus. Nossa Senhora lhes agradece e diz: 

"Agora, desejo rezar com vocês, porque muitos homens não desejam adorar Jesus."

Um pouco mais tarde, os Reis procuram dormir e um Anjo lhes aparece dizendo que tomem outro rumo porque o rei, com ciúme, deseja mandar matar o menino Jesus e não lhe prestar a homenagem que lhes dissera. Eles obedecem ao Anjo e retornam para casa, em um caminho diferente. E a cena termina.


Nenhum comentário:

Postar um comentário